sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Procurador do Paraná é indicado ao cargo de Ministro STJ



O procurador de Justiça do Ministério Público do Paraná Sérgio Luiz Kukinam foi indicado pela presidenta da República Dilma Rousseff para o cargo de ministro do Superior Tribunal de Justiça. A indicação para a vaga aberta com a aposentadoria do ministro Hamilton Carvalhido foi publicada nesta sexta-feira, 9 de novembro, no Diário Oficial da União. A sabatina ainda não tem data definida.

O procurador de Justiça paranaense concorria à vaga do quinto constitucional, reservada a membros do Ministério Público, em lista tríplice composta ainda por Sammy Barbosa Lopes (MP-AC) e José Eduardo Sabo Paes (MP-DFT). Os três nomes foram escolhidos pelos ministros do STJ entre uma lista de 51 candidatos.

Sérgio Luiz Kukina tem 53 anos. Casado com Sandy Margotto, é filho da catarinense Iza Kukina e do imigrante croata Alojz Kukina. O pai, que veio para o Brasil em 1951 e casou-se na capital paranaense, faleceu neste ano. Formado pela Universidade Católica do Paraná, na turma de 1982, o procurador de Justiça é mestre em Direito pela PUC-PR, e professor de Processo Civil na Fundação Escola do Ministério Público, e de Direito da Criança e do Adolescente, na Escola da Magistratura do Paraná e no curso preparatório Professor Luiz Carlos. 

Ingressou no Ministério Público do Paraná em 1984, tendo atuado como promotor em Francisco Beltrão, Dois Vizinhos, Faxinal, Pitanga, Guarapuava, Foz do Iguaçu e Curitiba, para onde foi promovido em 1991. Trabalhou por breve período no Centro de Apoio das Promotorias da Criança e do Adolescente, na Segunda Procuradoria de Justiça Cível, que trata de direito público, e, então, na Coordenadoria de Recursos Cíveis, onde atua há 20 anos, com recursos direcionados aos Tribunais Superiores.

Segurança pública de Londrina será tema de reunião em Curitiba

O secretário de Defesa Social Major Raul Leão Vidal agendou uma reunião com o secretário estadual de Segurança Pública Cid Vasques.
O encontro será na terça-feira (13) e a pauta principal será a realização do curso de capacitação para o uso de armas de fogo para agentes da Guarda Municipal de Londrina.
No caso da reunião apresentar bons resultados, Vidal pode viabilizar o início da Guarda armada em Londrina, a partir do próximo ano.

IPPUL e o zoneamento


O presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina Nelson Brandão informou que entregará ao Legislativo na próxima semana, um material detalhado sobre as alterações no projeto que trata do novo zoneamento da cidade.

A comissão de justiça da câmara apresentou um requerimento propondo que os projetos de Uso e Ocupação do Solo e do Sistema Viário só serão votados depois de uma avaliação minuciosa das propostas do Executivo.

A Câmara ameaça contratar uma empresa para elaborar o estudo, caso o IPPUL não apresente os dados.

Segundo os vereadores, o material recebido até agora não oferece o novo zoneamento de cada rua da cidade.

De acordo com Nelson Brandão, esse detalhamento não está na Lei, mas as alterações serão entregues ao Legislativo.

Tucanos de Londrina apresentam plano para derrotar Dilma

O PSDB de Londrina já descobriu como vencer a presidenta Dilma Rousseff (PT) nas próximas eleições.
Os tucanos vão infiltrar na campanha petista Alvimar dos Santos - popularmente conhecido como "Pai Jacó".
Dizem que o "pé-frio" de Jacó é a arma perfeita para acabar com o favoritismo da presidenta.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Natal de Luz

Os vereadores aprovaram em primeiro turno a destinação de R$ 430 mil para a realização do "Natal de Luz", em Londrina.
Por falar em luz, o Papai Noel terá que tomar cuidado para não bater com o trenó nas ruas da cidade, já que a iluminação pública do município está mais pra "conto de natal".

Câmara cobra transparência na discussão do Plano Diretor

Os vereadores aprovaram um requerimento da Comissão de Justiça retirando de pauta os dois projetos complementares do novo Plano Diretor de Londrina.
A conclusão do plano depende da votação do Sistema Viário e do polêmico projeto de Uso e Ocupação do Solo - matéria que trata do zoneamento da cidade.
A falta de transparência do Executivo sobre o segundo projeto está revoltado os vereadores. De acordo com os legisladores, a audiência pública só será realizada depois de um detalhamento sobre o que vai mudar com o novo zoneamento.
Os vereadores aelgam que o mapa enviado pela Prefeitura não apresenta os nomes das ruas - dificultando a avaliação do impacto de cada mudança.
A Câmara decidiu contratar uma empresa pra fazer esse estudo por causa da falta de colaboração do Executivo.

Engolindo sapo

O deputado Tadeu Veneri (PT) encaminhou denúncia ao Ministério Público Estadual - pelo Centro de Apoio às Promotorias de Proteção ao Patrimônio Público, relatando irregularidades no serviço de fornecimento de alimentação aos presos em delegacias e penitenciárias do Estado.
Segundo o deputado, os presos estariam recebendo marmitas com insetos e rãs.
O nobre deputado poderia aproveitar para reclamar da situação do povo que constantemente "engole sapo" enquanto espera por mais saúde, educação e segurança.

APAE - Uma entidade excepcional!

Estive hoje, na sede da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais de Londrina.
A unidade estava em festa porque recebeu do Governo do Estado um ônibus adaptado para cadeirantes que será utilizado no transporte escolar.
A visita valeu pela alegria, força de vontade e receptividade dos alunos.

Marcelo Belinati está de volta!

O médico Marcelo Belinati (PP) retornou hoje, aos trabalhos na Câmara de Londrina.
Belinati ficou de licença por 121 dias para disputar o cargo de prefeito da cidade.

Cadê o Kentaro?

O presidente da Sercomtel Kentaro Takahara foi "convocado" pela Câmara para dar explicações sobre a venda das empresas coligadas, porém não apareceu.
Takahara enviou um ofício comunicando que o relatório não está pronto. A medida não agradou os vereadores, já que a presença do presidente da Sercomtel no Legislativo é uma convocação.
A assessoria da casa está tentando entrar em contado como Kentaro Takahara para pedir que ele passe pela Câmara ainda hoje.

A segurança que o londrinense não vê!


O governador em exercício Flávio Arns (PSDB) declarou que Londrina está sendo tratada com igualdade na área da segurança pública.

Arns garantiu que o governo do estado destina à Londrina o mesmo tratamento dado aos outros municípios do Paraná, apesar de Curitiba já ter recebido 10 Unidades do Paraná Seguro – além de Cascavel que também já recebeu uma UPS.

Dados da secretaria estadual de segurança pública revelaram que o número de homicídios aumentou em Londrina e caiu na capital.
Enquanto isso , em Londrina...
 
 
Já em Curitiba...
 
 
 

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Cursinho grátis!



Essa é pra você que está querendo fazer um bom curso pré-vestibular, mas não tem dinheiro!

As inscrições para o processo seletivo 2013 do Curso Especial Pré-Vestibular (CEPV) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) estarão abertas de 12 de novembro a 7 de dezembro. Os interessados devem preencher o formulário de inscrição disponível somente na internet no endereço www.uel.br/sebec.

O pré-requisito para inscrição é a comprovação de conclusão do Ensino Médio até 31 de janeiro de 2013. No ato da inscrição o candidato deverá apresentar declaração do Colégio da situação escolar ou entregar o comprovante de conclusão até 31 de janeiro de 2013.

Os alunos são selecionados por meio de uma avaliação socioeconômica, pois é direcionado a estudantes que não têm condições de pagar uma escola preparatória particular. Também será aplicada uma prova de Conhecimentos Gerais. A seleção socioeconômica é realizada pela Divisão de Serviço Social, do Serviço de Bem Estar à Comunidade (SEBEC).

O Curso Pré-Vestibular da UEL aprovou 86 alunos no último Processo Seletivo Vestibular da Instituição, inclusive em cursos como Engenharia, Enfermagem e Psicologia. O cursinho, que funciona há 15 anos, tem 400 vagas e com aulas de segunda à sábado, nos períodos da tarde, das 14 às 18 horas, e noturno, das 19 às 23 horas. As aulas são ministradas por alunos de graduação da UEL, selecionados por exames que avaliam conteúdos específicos.

Mais informações no Curso Especial Pré-Vestibular, pelo telefone 3371-4719.

Audiência vai discutir zoneamento da cidade

Os dois projetos que faltam para a complementação do novo Plano Diretor de Londrina estão  na pauta da Câmara.
O assunto que já completou aniversário na cidade deverá entrar na reta final para a votação.
A colocação das matérias na pauta de quinta-feira (08), serve para a convocação da audiência pública que será realizada para debater o tema. O encontro deverá ser agendado para um sábado.
O primeiro projeto é o 285/2010 - que trata do sistema Viário Básico da cidade. Já a segunda matéria é bem mais espinhosa, pois regulamenta o Uso e Ocupação do Solo no Município. O projeto 398/2012 trata do zoneamento da cidade. Tem muita gente preocupada com o projeto porque a matéria estaria beneficiando o setor imobiliário e prejudicando a comunidade.
A audiência pública será importante para colocar as cartas na mesa e ver quem está com a verdade.

Dia do Radialista e o "radiador"

Galera da latinha, parabéns pelo dia do Radialista!
Por falar em radialista, uma vez fui convidado para fazer a locução de uma "paquera na avenida", em Sertanópolis. O evento seria na praça, em frente a rodoviária.
Cheguei (de ônibus, é claro) com uma hora de antecedência. Sentei e fiquei esperando, foi aí que surgiu um moleque engraxate. O garoto era uma figura e não parava de falar, de repente o menino soltou uma pérola, que eu nunca mais me esqueci:
_ O tio, o senhor que é o "radiador" do show!?

Nova secretária da mulher

A servidora da secretaria municipal de educação Ana Maria Arenghi é a nova secretária especial da Mulher. A advogada está reunida neste momento com o prefeito Gerson Araújo (PSDB) para acertar os últimos detalhes. A indicação de Ana Arenghi conta com o apoio do Movimento "Outubro Rosa".
Aninha - como é mais conhecida, assume no lugar de Jeane Tramontini Zanluchi que estava acumulando as secretarias da Mulher e do Idoso.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Secretário de Defesa Social nega retaliação na Guarda Municipal

O secretário de Defesa Social Major Raul Leão Vidal negou que esteja retaliando os integrantes da Guarda Muncipal que efetuaram prisões na cidade.
Vidal declarou que está adotando algumas medidas para evitar que Londrina não tenha em breve um "herói morto", já que os homens trabalham desarmados.
O secretário revelou que está agendando uam reunião com o governador Beto Richa (PSDB) para tratar do assunto.
Sobre a extinção do GTAM, ele informou que promoveu adequações para melhorar o trabalho dos guardas.

Marcos da Horta dá adeus aos vereadores

O vereador Marcos da Horta (PP) fez, hoje, seu discurso de despedida da Câmara.
Horta entrega o cargo para o retorno de Mareclo Belinati (PP) - que tirou licença para disputar a campanha eleitoral.
Belinati volta na sessão da próxima quinta-feira, após ficar afastado das funções legislativas por 121 dias.

Prefeitura desativa Grupo de motos da Guarda Municipal.



Um grupo de guardas municipais está na sessão da Câmara para denunciar a desativação do GTAM - Grupo Tátito de Apoio em Motos. De acordo com as informações, o grupo teria 16 integrantes.

Na avaliação dos guardas, a desativação seria uma retaliação do secretário ao trabalho desenvolvido no combate a criminalidade em Londrina.



De acordo com o presidente da Associação dos Guardas Municipais Fernando Ferreira das Neves, a ordem não tem justificativa.



A medida teria sido anunciada pelo secretário de Defesa Social Major Raul Leão Vidal (que também já está no prédio do Legislativo).
 
 
 

Álvaro Dias ataca governo do Paraná



O senador Álvaro Dias (PSDB) destilou seu veneno contra o governador do Paraná Beto Richa (PSDB).

Dias publicou seu seu blog pessoal uma nota criticando o modelo de governo implantando por Richa no estado.

Veja a nota, na lata:



Afastei-me do comando do PSDB do Paraná porque coerência é respeito à população. Não poderia apoiar no Estado o que combato com veemência em Brasília.

O modelo promíscuo de governo instituído em Brasília foi transplantado para o Paraná. Nepotismo, fisiologismo escancarado e loteamento sem escrúpulos engordando a estrutura da administração publica e comprometendo sua eficiência.

Esse é o sistema vigente no país e que combato. Instala-se o balcão de negócios para a cooptação dos partidos políticos a pretexto de se garantir a propalada governabilidade. Rima-se governabilidade com promiscuidade. Com isso limita-se numericamente a oposição reduzindo a fiscalização, a crítica e a denúncia.

Os governantes ficam confortáveis para errar. Gastam fortunas em publicidade enganosa para iludir a opinião pública e angariar popularidade. O povo paga caro por isso! Não compactuo e continuarei combatendo.

 Fiquei quase dois anos em silêncio esperando por mudança de postura. Quem governa o Paraná não mudou. Não posso mais ficar calado!

Kireeff é contra flexibilização no horário do comércio


O prefeito eleito Alexandre Kireeff (PSD) declarou ser contrário a proposta de flexibilização do horário do comércio na cidade.

O horário flexível do comércio é defendido principalmente pela Associação Comercial e Industrial de Londrina – Acil.

A lei atual estabelece que o horário para as lojas de rua é das 9 às 18 horas, de segunda a sexta-feira e em dois sábados do mês. Nos outros dois, o funcionamento é das 9 às 13h.

O sindicato dos Empregados no Comércio (Sindecolon) alega que os patrões oferecem resistência quando o assunto é pagar adicionais aos funcionários que trabalham em escala diferenciada.

Alexandre Kireeff garantiu ser contrário a proposta de flexibilização do horário.
O presidente da ACIL Flávio Balan garante ter uma gravação de Kireeff encomendando uma pesquisa sobre o tema.

Sercomtel tenta receber de devedores



Pensando no 13° salário dos trabalhadores, a Sercomtel está lançando uma campanha para tentar receber de devedores.

De acordo com a assessoria, a campanha oferece descontos progressivos, que vão de 25% a 80% para pagamento à vista e de 13% a 40% para pagamento parcelado.

Os descontos variam de acordo com a forma de pagamento (parcelado ou à vista) e o tempo de atraso da dívida. Quanto mais atrasada estiver a dívida, maior será o desconto.

Os pagamentos parcelados podem ser feitos com uma entrada mais 10 vezes sem juros, sendo que a entrada tem que corresponder a, no mínimo, 30% da dívida e as parcelas mínimas são de R$40.
A campanha vai até o dia 30 de dezembro. Os clientes interessados podem procurar as lojas de atendimento da operadora ou ligar para o número 103 43.

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Justiça mais rápida que a Câmara!!!!

Sempre ouvi dizer que a Justiça brasileira é morosa, e pra ser sincero, acho que é a mais pura verdade, mas em Londrina, tem gente mais lenta!
O juiz da 3ª Vara Criminal de Londrina Katsujo Nakadomari está ouvindo nesta tarde, os réus da suposta tentativa de suborno ao vereador Amauri Cardoso (PSDB) para a votação da abertura da Comissão Processante. O Juiz pretende julgar o caso até o final do ano.
Enquanto isso, na Câmara de Londrina...
O suposto envolvimento de outros integrantes do legislativo no caso foi encaminhado para a apuração da Comissão de Ética e da corregedoria da Câmara.
O presidente da comissão de Ética é o "nobre edil" Rodrigo Gouvêa, já o corregedor é Jairo Tamura. Os dois tinham como tarefa fazer a transcrição do material gravado pelo Gaeco, porém após 7 meses,  pouco foi feito. Vai ver que o material está em latim, daí a dificuldade!
Você acredita que a "dupla dinâmica" vai concluir a difícil missão antes do final do ano!?

 

Conhecendo a casa

O médico Tercílio Turini (PPS) fez nesta segunda-feira, uma visita ao prédio da Assembléia Legislativa do Paraná.
Durante a visita, Turini teve uma reunião com o presidente Valdir Rossoni (PSDB). O presidente do diretório municipal do PPS aproveitou a viagem para conhecer melhor o andamento da casa, já que a partir de janeiro, será representante da região metropolitana de Londrina, no legislativo estadual.
Tercílio Turini vai assumir o cargo de deputado no lugar de Cesar Silvestri Filho, prefeito eleito de Guarapuava.

Transição apimentada

O prefeito Gerson Araújo (PSDB) e o prefeito eleito Alexandre Kireeff (PSD) anunciaram os nomes que vão compor a comissão de transição.
Kireeff indicou o engenheiro Guto Bellusci (seu vice-prefeito), o Administrador de empresas Fernando Prochet, o advogado Paulo Arcoverde e o economista Paulo Bento.
O prefeito eleito declarou que os nomes não está garantidos como secretários a partir de janeiro.
O prefeito Gerson Araújo indicou o secretário da Fazenda João Carlos Barbosa Peres, o secretário de Governo Gervásio Martin, o chefe de gabinete Willian Godoy e o servidor e atual presidente do diretório municipal do PSDB Éder Pimenta.
Pimenta é a grande novidade nos nomes apresentados. Segundo Araújo, Pimenta foi indicado para representar os servidores.
Na verdade, o nome de Pimenta na transição já indica uma possível aproximação dos tucanos com o Alexandre Kireeff.

Possível comissão de transição

Recebi a informação de que a composição da Comissão de Transição entre os governos de Gerson Araújo (PSDB) e Alexandre Kireeff (PSD) poderá ter a seguinte composição pelo lado do atual chefe do Executivo - o secretário de Governo Gervásio Luiz Martin Junior, o secretário da Fazenda João Carlos Barbosa Peres, e o procurador Evaldo Dias de Oliveira.
Kireeff está reunido com sua equipe para acertar os nomes.
A reunião de transição será às 14h, no gabinete do prefeito.